Você sabia que os seus hormônios podem estar afetando a sua saúde mental

Em uma rotina onde os dias parecem ser mais curtos, corridos e com alta demanda (físicas e emocionais), é importante estar atento a fatores que podem afetar a saúde emocional, como a saúde endocrinológica

Ficou curioso? Continue a leitura e saiba tudo sobre essa relação!

Como os hormônios afetam a saúde mental?

Relação entre saúde hormonal e mental

Os hormônios são os mensageiros químicos do nosso corpo, desempenhando papel crucial em uma variedade de funções, desde o crescimento e o metabolismo até as emoções e o comportamento

Quando se trata de saúde mental, esses compostos bioquímicos desempenham um papel particularmente importante, influenciando diretamente nossa estabilidade emocional, nosso humor e até mesmo nossa percepção do mundo ao nosso redor.

  • Equilíbrio emocional

O equilíbrio hormonal é essencial para manter uma saúde mental estável. Hormônios como serotonina, dopamina e noradrenalina desempenham papéis-chave na regulação do humor e da motivação.

 Quando esses hormônios estão desequilibrados, seja devido ao estresse crônico, mudanças hormonais naturais ou outros fatores, podem surgir sintomas de ansiedade, depressão e irritabilidade.

  • Resposta ao estresse

O cortisol, conhecido como o hormônio do estresse, é responsável por responder aos perigos percebidos.

Em situações de estresse agudo, o cortisol nos ajuda a lidar com a ameaça iminente, mobilizando recursos para enfrentar a situação. 

No entanto, quando o estresse se torna crônico e os níveis de cortisol permanecem elevados por longos períodos, isso pode levar a uma série de problemas de saúde mental.

  • Hormônios sexuais e bem-estar mental

Os hormônios sexuais, como estrogênio, progesterona e testosterona, desempenham papéis importantes não apenas na reprodução, mas também na saúde mental. 

Alterações nos níveis desses hormônios, como durante a puberdade, gravidez, menopausa ou distúrbios hormonais, podem afetar o humor, a cognição e o bem-estar emocional.

  • Interconexões complexas

Além dos hormônios específicos mencionados, há uma rede intrincada de interações hormonais que influenciam nossa saúde mental. 

Por exemplo, o desequilíbrio hormonal pode afetar a qualidade do sono, a regulação do apetite e até mesmo a percepção da dor, todos os quais têm impacto direto no nosso bem-estar emocional

Veja também: O que pode causar o excesso de pelos em mulheres?

Quando procurar uma endocrinologista: identifique os sinais de alerta!

Os nossos corpos nos enviam sinais sutis de que algo não está funcionando como deveria. Esses sinais podem se manifestar de várias maneiras e, muitas vezes, estão relacionados a alterações hormonais.

Reconhecer esses sintomas precocemente e procurar a ajuda de uma endocrinologista pode ser fundamental para detectar e tratar problemas hormonais antes que eles se tornem mais graves. 

Os principais sintomas são: mudanças de humor, alterações no sono, perda e ganho de peso, irregularidades menstruais, alterações na saúde da pele e do cabelo.

Se você identificou um ou mais sintomas, consulte uma especialista. Lembre-se, sua saúde hormonal é uma parte essencial do seu bem-estar geral, cuide bem dela!

Confira: Envelhecimento e sistema endócrino: saiba tudo sobre os impactos hormonais

Para mais conteúdos como este, fique atento aos próximos artigos aqui no site e me acompanhe através do Instagram: @verushkatinoco!

Sobre o(a) autor(a): Dra. Verushka Tinoco

Médica Endocrinologista há mais de uma década, possui residência em endocrinologia no Rio de Janeiro. Em seguida, se especializou em nutrição clínica (SP), oferecendo aos seus pacientes um atendimento personalizado, humanizado e assertivo.


    Compartilhe

    Deixar um comentário

    Artigos relacionados

    Voltar para artigos